kriol é um blog de reflexão sob problemas que te preocupa sociedade kriola, e não só. ke bo atitude bo podé melhora mund. kriol, um oi abert sob nos kriolidade.
14.12.09

 

A
Capoeira é uma manifestação que surgiu no Brasil, por altura do comércio de escravos. Esta começou com a necessidade de lutar contra a situação a que estavam impostos, e não havendo forma de arranjarem armas, teriam que utilizar o que estava ao seu alcance, o seu corpo.
Treinavam os seus golpes, mas com o aproximar dos feitores, ou senhores das fazendas, disfarçavam, tornando a luta numa dança, que seria interpretada como uma manifestação cultural ou a prática de danças tradicionais das suas terras. Essa modalidade foi conhecendo novos terrenos e sofrendo algumas mudanças, principalmente devido ao contacto com outras modalidades.
Foi assim, já com algumas modificações, que chegou a capoeira aqui em cabo verde. A história conta que os primeiros capoeiras vieram a cabo verde com o mindelact há vários anos. Posteriormente esteve também em São Vicente um mestre denominado Mestre Caladinho. Mas estes não deram qualquer passo na implementação desta modalidade no país. Foi com o mestre Carlos Xexeu que cabo verde, em particular São Vicente, teve a oportunidade de ter Capoeira como uma modalidade desportiva ao seu alcance. Criou a Associação de Capoeira Liberdade de Expressão e mantêm uma academia que já acolheu vários alunos, entre eles, os actuais instrutores de capoeira.
Djê, instrutor da Academia de Capoeira Liberdade de Expressão tem algum conhecimento da capoeira em São Vicente e vê esta modalidade como um prática recomendável para todos.
“A capoeira no seio mindelense tem uma boa aceitação, porque já demos provas da qualidade do nosso trabalho e mostramos que é uma modalidade que não espera apenas apoio da sociedade, mas também preocupa muito em ajudar a sociedade” - Afirma o instrutor. À camada jovem, é dispensado um olhar atento da associação, procurando levar, nomeadamente, as crianças de rua para dentro da academia afastando-lhes da marginalidade. “enquanto as crianças estão a praticar capoeira não estão a conviver com os marginais. As duas ou três horas que passam connosco estão livres de serem influenciados ao consumo de drogas.” Diz djê.
Para confirmar essa tendência de apoio aos jovens e saber se esse método funciona, foram entrevistados alguns alunos da academia, que, nos seus pontos de vista, foi uma ajuda para sair da violência, do álcool, da rua e conseguir ter iniciativa para procurar alguma fonte de rendimento para se manterem, contrariando o vício de estar na rua humilhando por 10 escudos.
“Antes de começar a praticar capoeira eu era uma pessoa que gostava de violência, brigava, praticava actos incorrectos e usava álcool. Agora controlo a minha pessoa e pratico capoeira para me aliviar dos problemas. Mas acima de tudo faço-o porque gosto.”
“Eu era um menino de rua, passava o dia na rua pedindo dinheiro. Não fazia nada. Pedia dinheiro depois ia dormir. Comecei a praticar capoeira e a ter contacto com outras pessoas e o que eles faziam no seu dia-a-dia. A partir daí comecei a ocupar o meu tempo fazendo algumas peças para vender e ganhando algum dinheiro.”
Estes são depoimentos de alguns alunos que afirmam ter encontrado grande apoio na prática da capoeira.
Mas Djê explica que a capoeira tem outros motivos que levam a sua prática como o facto de promover a saúde física, psicológica e o amor a arte. Refere que o tempo de praticar capoeira, porque estava na moda, já passou, agora pratica quem tem amor a arte. E isso facilita o trabalho dos instrutores.
Esta modalidade está a evoluir em Cabo Verde e há cada vez mais interesses em novos postos de ensino. Para além de são Vicente, sal e Santiago, agora é a vez de São Nicolau, que já tem financiamento, e posteriormente em Santo Antão que está ainda a espera do apoio das entidades da ilha.
Através da capoeira manifestaram contra a escravatura, agora, ela pode também ser utilizada contra os novos males da sociedade.
tags:
link do postpublicado por dalcom, às 19:36  comentar


mais sobre Kriol
pesquisar
 
comentários recentes
Yo um gosta de bsot iniciativa por isso um te li p...
Com todo o devido respeito, este tipo de lamúrias ...
Já li este post várias vezes.A sua honestidade e s...
Parece que as tecnologias nem sempre são utilizada...
ahahah...Muito bonito. Gostei.
excelente post, apesar de muito superficial. Mas n...
Excelente dalcom! "Um pé no acelerador, outro no k...
Ficamos muito contentes com o seu comentário. O no...
Boas "Kriols",sem alongar muito vou felicitar a Vo...
Talvez criar um blog tenha sido um passo na direcç...
arquivo
blogs SAPO